quinta-feira, 13 de junho de 2013

Este Alce é de Oliver Jeffers

A chegada de um novo livro de Oliver Jeffers é sempre um motivo de festa. E graças à Orfeu Mini, num curto espaço de tempo, chegaram dois. Depois de Presos, seguiu-se Este Alce é Meu, o magnífico livro vencedor do Prémio Irish Book Awards 2012 (na categoria júnior). 
É sobejamente conhecida a  paixão  hipopomata pelo trabalho de Oliver Jeffers, de quem já falámos aqui e aqui. As suas histórias são inteligentes, desconcertantes, hilariantes e têm, quase sempre, finais surpreendentemente geniais.  Este Alce é Meu, de que temos a versão inglesa, não foge à regra. É mais um livro fabuloso. 


Depois de encontrar um alce, este rapaz não tem a mínima dúvida de que ele é seu, que lhe pertence. Rapidamente se imbui do espírito de dono do animal,  não resistindo a essa tendência tão tipicamente humana de tudo etiquetar. O alce ganha nome, Marcel.

Segue-se a  leitura do Manual de Regras de Um Bom Animal de Estimação, de forma a que não restem dúvidas sobre o papel de cada um.

O grau de complexidade varia de regra para regra. E se há algumas exequíveis, como a de  não fazer muito barulho quando o dono ouve música, outras há em que a desobediência de Marcel não se faz esperar...
No meio das peripécias e planos de uma relação nem sempre pacífica, o rapaz acaba por fazer uma terrível descoberta...

Afinal, não é o único que se julga dono do nosso alce e Marcel também parece  chamar-se Rodrigo...


Mas a partilha não parece ser o forte do rapaz, que inicia então um atribulado regresso.

Felizmente,  o nosso alce decide voltar e dar cumprimento à regra 73...


Um acordo acaba por selar o que parece ser o inicio de uma bela amizade... Porque é disso que falamos, de amizade, de partilha, de posse...


Um livro fabulosamente ilustrado, com um registo bem diferente do que estamos habituados. O minimalismo, tantas vezes usado por Jeffers, cede lugar a paisagens deslumbrantes. As montanhas, planícies e rios do californiano Alexander Dzigurski são o cenário escolhido  para as aventuras do  rapaz e do alce. 


 No final, fica apenas uma  certeza, Este Alce é de Oliver Jeffers!


Sem comentários: